Captando clientes para seu e-commerce

Captando clientes para seu e-commerce. Estar na internet já não é uma opção, é uma obrigação para aquelas empresas que desejam chegar mais próximas de seus clientes e atrair clientes para sua loja virtual aumentando suas vendas, além de se tornarem mais conhecidas e procuradas também nas lojas físicas.

Dessa maneira, desenvolver uma loja virtual que seja atrativa e funcional, que ajude o cliente a encontrar facilmente o que busca e a fechar as suas compras de maneira amigável e prática é, sem dúvida, o melhor caminho a ser trilhado na atração e retenção de clientes. Porém, nada disso será possível se não conseguir gerar tráfego considerável para sua loja virtual.

Veja a seguir alguns tópicos que irão lhe ajudar a atrair clientes para sua loja virtual.

Como gerar tráfego para minha loja virtual ?

Atrair clientes para a loja virtual significa gerar mais tráfego para o seu site. Nenhuma ação ou campanha feita na loja virtual irá funcionar bem caso não haja um número de acessos significativos. Temos hoje diversos serviços que promovem um aumento do tráfego, porém existem alguns mais eficientes do que outros, variando conforme a cada modelo de negócio.

O marketing de conteúdo, por exemplo, é uma das principais estratégias que gera bons resultados a médio e longo prazo. É recomendável investir em serviços para propagação do seu conteúdo e promovê-los quando possível por exemplo utilizando google adwords ou facebook ads. Mas lembre-se de calcular o retorno sobre investimento e quanto você poderá gastar com marketing.

Separamos a seguir algumas estratégias eficazes para aumentar o número de acessos em sua loja virtual. Confira:

Comércio Social

Não poderia iniciar o post sem relatar sobre “Comércio Social”, muitos autores já veem escrevendo sobre como atrair clientes para sua loja virtual, na prática vimos diversas iniciativas funcionando para diversos modelos de negócio e principalmente no e-commerce, um bom exemplo disto é a amazon.com, camiseteria.com.br e muitos outros.

O Comércio Social é melhor interpretado se pensássemos em colaboração onde todos ganham e o mais importante grupos de pessoas se relacionando para um bem comum.

Não temos dúvida que devemos aprender com os grandes e-commerce e lembrar que eles estão no mercado a décadas e um padrão notado é que os nichos ou grupos segmentados para e-commerce na atualidade é uma excelente ideia mas somente isto não é suficiente então outro ponto fundamental neste contexto é a criação de comunidades para seu negócio, fazendo não somente Brand de sua marca mas criando relacionamentos duradouros, grupos ou tribos que pensem e acreditem no porquê do que você faz.

Não deixe este conceito de lado, é uma excelente estratégia e possui diversos casos de sucesso, e o melhor de tudo é que com esta estratégia a longo prazo seus custos com campanhas de links patrocinados em sua publicidade online irá diminuir consideravelmente, pois em algum momento você não irá pagar diretamente para gerar tráfego ele irá acontecer naturalmente.

Com este modelo você gerá tráfego qualificado para seu negócio.

Blogs

Os blogs são ótimas ferramentas para atrair clientes para sua loja virtual e consequentemente gerar conversão, uma vez que atraem as pessoas por meio de conteúdos relevantes que têm afinidade com o seu negócio, seus produtos e serviços. Utilizando-se eficazmente do potencial dos blogs, sua empresa tem mais um canal de comunicação com seus clientes, além de uma porta a mais de entrada para a sua loja virtual. Esclarecer as dúvidas das pessoas, destacar as características dos seus produtos e contextualizá-los de forma a não apenas vender, mas também informar, é garantia de engajamento.

Caso você não possa ou não saiba como produzir seu conteúdo, contrate uma empresa especializada. Afinal, a qualidade e relevância dos temas contam muito para atrair os interessados.

Publicidade online

Para propagar e divulgar ainda mais suas campanhas utilize as plataformas de publicidade online como o Facebook ADS, Google Adwords, Yahoo Search Marketing, Youtube, Linkedin e as redes de afiliados como o Lomadee e Boo-box, essas ações ajudam a atrair clientes para sua loja virtual. Para escolher entre uma delas, você deve conhecer seu nicho e seu público. Depois, avalie se a estratégia foi certeira, mensurando a efetividade da campanha.

Na prática caso tenha dúvida em qual canal deverá investir primeiro, uma boa estratégia seria fazer testes A/B, A/B/C ou seja faça pequenas campanhas nos diversos canais de publicidade e compare qual deu melhor resultado para que possa focar na direção certa e melhorar ainda mais suas campanhas.

Comparadores de preço

Os comparadores de preços são outra forma de gerar tráfego para sua loja virtual, porém nem todo modelo de negócio irá necessitar deste tipo de serviço.

Comparadores como Buscapé, Bomdefaro, Zoom, Jacotei, Zura, Shopping.uol, Compareja são bastante utilizados. Em sua grande maioria, há uma cobrança por CPC ( custo por clique). Tenha certeza de que a maioria dos consumidores utilizam os buscadores antes de comprar algum item.

No e-book escrito por Jim Lecinski em 2011, ZMOT (O momento zero da verdade) aponta que 70% dos americanos dizem ler análises de produtos antes de fazer uma compra. E você faz algum tipo de comparação antes de comprar ?

Cupons

Os portais de Cupons como cupom.com, cuponomia.com.br, pegadesconto.com.br e muitos outros espalhados pela internet são também responsáveis por gerar tráfego para seu e-commerce e atrair clientes para sua loja virtual. Existe o poup.com.br que apresenta uma proposta diferente em seu modelo de negócio dos demais concorrentes, bonifica o consumidor em dinheiro quando seleciona a loja pelo Poup e ao efetuar a compra em alguns dias você receberá a bonificação em dinheiro.

Todos os exemplos acima geram tráfego para a loja virtual temos que ficar atentos e o Cupom como qualquer outra forma de divulgação, calcular seu retorno ou melhor suas taxas de resgate. A taxa de resgate é a porcentagem de cupons distribuídos ou descontos que são usados pelos consumidores uma das métricas mais importantes para avaliarem a sua eficácia.

Shopping na Web

Existe também outras formas de atrair clientes para sua loja virtual, de gerar tráfego para seu e-commerce é agregando sua loja virtual nos chamados shopping na web como shopping.ipiraweb.com.br, muccashop.com.br e muitos outros que existem espalhados na rede.
Em sua grande maioria é cobrado alguns centavos no modelo CPC ( custo por clicks ).

O importante é que irá impulsionar um tráfego considerável para sua loja virtual, mas não podem esquecer que mesmo com a geração de tráfego , enivando público para seu e-commerce você precisará criar estratégias de fidelização ou de retenção de seu público.

Conteúdo

O conteúdo será o responsável por posicioná-lo nas buscas orgânicas ele será o maior responsável por gerar sua demanda porém isto não será suficiente se você não criar motivos para as pessoas voltarem e interagir com o site ou criar meios de fidelizar o cliente ou fazer com ele tenha interesse sempre de interagir em sua loja virtual, não esqueça vender é relacionar e neste momento é que entra o conceito de “comércio social”.

Uma loja virtual deve conter descrições de produtos completas e suas imagens tem que serem bem trabalhadas para melhor visualização do seu produto, para que as minimize todas as dúvidas dos clientes ao acessar sua loja e lhes deem maior poder de decisão na hora da compra.

Além disso, ter um espaço para responder às perguntas frequentes dos clientes, deixar os comentários dos consumidores visível na página de produto podendo usar por exemplo facebook comments está é uma das características mais importantes em sua página de produto, disponibilizando não somente descrição dos seus produtos como opiniões seja elas positivas ou negativas pois este é o modelo atual de comportamento dos consumidores da internet. isto faz com que o seu e-commerce seja, além de uma loja virtual, uma fonte de informação e referência na internet. Assim você conquista mais seguidores, mais tráfego para o seu site e, consequentemente a possibilidade de mais vendas.

Estratégias de SEO e SEM

Para atrair clientes para sua loja virtual, é preciso que a sua loja virtual esteja bem posicionada nos mecanismos de busca, de preferência na primeira página de resultados orgânicos. Para chegar a este patamar, você precisa desenvolver estratégias de otimização de conteúdo que mostrem aos buscadores que a sua loja é a maior fonte de informações relevantes sobre determinado produto ou serviço e aqui novamente entra o conceito de “comércio social” pois esta estratégia naturalmente irá mantê-lo sempre com excelentes resultados orgânicos.

É aí que entram o SEO e o SEM, preparando o conteúdo do seu site para que ele seja de fato relevante para o seu público. Contar com profissionais que compreendam como os mecanismos de busca funcionam é essencial para que as estratégias de SEO e SEM sejam bem aplicadas. Algumas ferramentas de blogs já contam com recursos para otimizar a indexação do seu conteúdo no Google, Bing, Yahoo, dentre outros.
Redes Sociais

Além de ter um site bem preparado, é preciso utilizar as ferramentas disponíveis no mercado, como é o caso das redes sociais, que vêm substituindo o tradicional SAC por um atendimento muito mais dinâmico e personalizado. Manter as suas redes sociais sempre atualizadas, responder às indagações de seus clientes no menor tempo possível e solucionar possíveis conflitos ao invés de simplesmente apagá-los das suas fan pages são algumas medidas que geram credibilidade e confiança à sua marca.

As redes sociais como Facebook, Twitter, LinkedIn, Pinterest, YouTube ajudarão a fortalecer e construir seu branding, além de serem uma excelente opção para promover seu conteúdo e gerar buzz (propagação) enquanto seus resultados orgânicos não aparecem. Não se esqueça de que a rede social é útil para criar relacionamentos com os clientes e não somente para divulgar produtos e ofertas.

Para gerir uma comunidade e gerar o “comércio social” que foi dito no post é exatamente isto que deveriamos fazer com as redes sociais ou melhor fazer como as redes sociais porém para seu negócio.

Agora é hora de colocar essas ações em práticas para gerar tráfego. Avalie as possibilidades do seu negócio, trace sua estratégia de marketing, descubra onde seu público está e execute campanhas que atendam bem a estas pessoas.

Conclusão

Sua loja virtual sem tráfego não conseguirá permanecer no mercado virtual por falta de público.
Como dá para perceber o que existe são muitas possibilidades e muito trabalho de análise e monitoramento. Não existe mágica ou receita de bolo, o que existe são estratégias e muito trabalho lembrando que tudo é baseado em modelo de negócio e o mais importante todo o foco e trabalho é direcionado para seus consumidores ou melhor pessoas.

Lembre-se de criar campanhas para pessoas e invista sempre em pequenas campanhas se necessário efetuando testes como por exemplo A/B.

É importante descobrir o mais rápido possível as suas chaves de sucesso do seu negócio que é diretamente proporcional ao seu tráfego qualificado e credibilidade sendo responsável também por gerar suas taxas de conversão, quem é responsável de gerar tráfego qualificado será sua publicidade online, uma busca no google por exemplo já segmenta o usuário pela necessidade. Então, descubra logo como atrair clientes para sua loja virtual e gerar Negócio!