China pode ser a numero um do e-commerce

China pode ser a numero um do e-commerce. No próximo ano, a China deve se tornar o maior mercado de e-commerce do planeta, segundo informações reveladas pelo Ministério do Comércio chinês.

De acordo o Ministério, a China possui atualmente mais de 194 milhões de pessoas consumindo em sites de comércio eletrônico, as quais gastaram um total de 123,72 bilhões de dólares no ano anterior.

Segundo o diretor do departamento de tecnologia  da informação do Ministério do Comércio da China, Li Jinqi, o número de adultos nos Estados Unidos é inferior aos quase 200 milhões de e-consumidores chineses. Além disso, o mercado de comércio eletrônico no país asiático vem crescendo a taxas superiores a 50% ao ano, à frente do percentual apresentado pelos EUA.

Segundo um estudo global realizado pela MarketTools, os consumidores chineses são os que compram com maior frequência pela internet, com 10% dos entrevistados afirmando comprar algo todos os dias, enquanto 57% faz o mesmo mensalmente.

Já outra pesquisa divulgada pela WorldPay, em abril de 2012, 63% dos consumidores da China afirmam que estão consumindo mais em sites de comércio eletrônico, contra apenas 5% que relatam ter diminuído seus gastos, o que gera um crescimento líquido de 58%.