Loja virtual e os jovens consumidores

Loja virtual e os jovens consumidores. A empresa de investimento Piper Jaffray, em seu 25° estudo semestral, descobriu que 79% das mulheres adolescentes e 76% dos homens compraram online, com 70% deles comprando em suas lojas favoritas. Criar um site atraente e valioso é crucial para capturar a atenção de jovens consumidores, que nunca experimentaram um momento em suas vidas sem tecnologia.

Características importantes para o comprador online jovem

Jakob Nielsen, um pioneiro no campo do experiência do usuário, pesquisou as características de usabilidade mais importantes para o cliente online adolescente em seu artigo “Teenage Usability: Designing Teen-Targeted Websites”. Nielsen diz que sites voltados para os jovens consumidores devem usar menos texto e aderir a esquemas de design padrão. Exemplos desses são HotTopic.com, KidRobot.com e SpencersOnline.com. Nielsen aponta algumas características específicas de design que são importantes para os adolescentes: o uso de cores brilhantes, imagens de alta qualidade, meios de comunicação integrados como vídeos e músicas, jogos interativos e links para as mídias sociais.
A influência da mídia social

A mídia social se tornou parte integrante da experiência adolescente no mercado de compra online. A pesquisa 2013 de Piper Jaffray confirma que Facebook e YouTube ainda são os sites favoritos de mídia social para adolescentes, com 53% das mulheres e 52% dos homens indicando que as mídias sociais influenciam suas compras (sobretudo o Facebook).

Outras plataformas não convencionais de mídia social como Pinterest e Polyvore criaram formas inovadoras para os adolescentes se conectarem com seus amigos, verem em que seus amigos estão interessados, e ligá-los diretamente a sites de e-commerce, nos quais as compras podem ser feitas.

O Polyvore, por exemplo, é um site de comércio social conduzido pela comunidade no qual os membros escolhem entre uma variedade de roupas, sapatos e acessórios para criar colagens de moda. Os usuários podem ver conselhos de moda de outros membros da comunidade e dos amigos. Abaixo dessas placas concluídas estão links para sites de varejo externos, onde os usuários podem completar todas as transações online.

O Pinterest, como o Polyvore, é alimentado pela comunidade e permite que os membros acompanhem pinboards de amigos e de “pessoas com gostos semelhantes”. Usuários do Pinterest podem voltar a fixar imagens ricas de design de casa, natureza, moda, alimentos e bebidas, e uma variedade de outros itens para seus seguidores verem. Cada imagem ou “pin” são links diretos para o site de um varejista online, que essencialmente compartilha esse link com uma enorme rede de seguidores.
Por que o mercado adolescente é importante

Embora alguns argumentem que a adaptação dos sites de e-commerce para atrair o mercado adolescente não seja tão valiosa porque os adolescentes não têm poder direto de compra, quando se trata de compras online, eles são extremamente influentes, principalmente em relação aos níveis de consumo de seus pais. De acordo com o Harris Poll YouthPulse 2012, os jovens consumidores influenciaram compras de mais de US$ 211 milhões no valor do poder de compra! Com 23 milhões de adolescentes só nos EUA, eles estão tendo um enorme impacto na economia e nas carteiras de seus pais.

Ao considerar o grupo demográfico adolescente em seu design de site e usabilidade, os varejistas online devem implementar essas dicas de pesquisa do site listadas acima como ponto de partida para capturar seu mercado-alvo. Incluir conteúdo não-produto, tais como links de mídia social e conteúdo interativo, como Instagram, Pinterest e Polyvore, é uma maneira de permanecer relevante e emocionante para esse jovem grupo. A chave para o engajamento desses consumidores da Geração Z é se manter simples, evitar conteúdo chato, e considerar o uso de sites responsivos para múltiplas interfaces para manter seu site atualizado e divertido.