Protesto pode gerar um dia inteiro sem internet

Protesto pode gerar um dia inteiro sem internet. A possibilidade do mundo acabar em 2012 é grande, contudo a existência de um dia inteiro sem Facebook, sem pesquisas no Google, sem compras na Amazon entre outros é eminente!

As grandes empresas da internet estão de fato, dispostas a parar tudo em protesto ao SOPA – Stop Online Piracy Act.

O protesto iniciado pela Fox News, denominado “Blackout”ou Dia Negro, pode contar com o apoio do Twitter e da Wikimedia Foundation, e suas entidades relacionadas.

Para quem não sabe SOPA é um projeto de leis de combate a pirataria online, da Câmara dos Representantes dos Estados Unidos. O projeto visa ampliar os meios legais para que detentores dos direitos autorais possam defender o trafego online de propriedade protegia e artigos falsificados.

Como tudo na vida, o SOPA tem dois lados, os que são a favor e acreditam que protegendo os produtos da distribuição falsificada o mercado é capaz de gerar mais receita e empregos. E os que são contra que acreditam que isso é uma violação da Primeira Emenda, e prejudica a Internet com uma censura que ameaça a liberdade de expressão.

Empresas como a Motion Picture Association of America, Recording Industry Association of America, Sony Pictures Entertainment, Time Warner, entre outras são a favor do projeto. Contudo dentro da entidade Entertainment Software Association, empresas de games como a Sony e a Nintendo estão pensando em retirar seu apoio, pois instantaneamente o apoio a lei causou fúria em seus clientes e ameaças de hacktivistas que se denominam “Anonymous”.

Com isso uma pergunta paira no ar… De que lado você está? Pois de um lado temos altos preços e privações, mas do outro lado temos o abuso da falsificação de informação, perdendo assim os direitos autorais e a receita gerada por ela.